Monthly Archives: junho 2018

Ser ganhador da Mega-Sena está no imaginário de quase todo o brasileiro. A aposta custa R$ 3,50, o sorteio acontece duas vezes por semana e paga milhares de reais por ano. Para vencer, basta acertar os seis números sorteados.

Neste sábado (23/6), não foi o vencedor ou o valor do prêmio que chamou a atenção do público. No concurso 2052, sorteado na cidade de Campina Grande (PB), os números saíram praticamente em sequência. O prêmio de R$ 38 milhões foi para quem acertou o resultado: 50 – 51 – 56 – 57 – 58 – 59.

Inaldo Sampaio

                                Inaldo Sampaio Foto: Colunista

O governador Paulo Câmara tem que mostrar muita habilidade nesse período que antecede o fechamento de sua chapa majoritária para não perder mais aliados. Ele disputou em 2014 com o apoio de 21 partidos mas no curso do governo alguns se abrigaram na oposição. Já não estão mais na Frente Popular o Democratas, o PSDB, o Partido Verde, a Rede Sustentabilidade, o PPS e o PSC. Este último rompeu com o governo na última quinta-feira, abrindo caminho para que outros insatisfeitos possam tomar esse mesmo rumo. É o caso do Partido Solidariedade, presidido regionalmente pelo deputado Augusto Coutinho, que se acha subrepresentado no governo e poderá seguir o exemplo dos irmãos André e Anderson Ferreira. Coutinho já tem um motivo forte para deixar o governo. Seu cunhado Mendonça Filho é candidato a senador pela Frente das Oposições e ele certamente ficaria desconfortável pedindo votos apenas para ele, excluindo os outros membros da chapa majoritária. A decisão de sair ou não da Frente Popular será tomada esta semana por um comitê de quatro pessoas: o próprio Coutinho, o deputado federal Kaio Maniçoba, o deputado estadual Alberto Feitosa e o prefeito de Olinda professor Lupércio. Hoje, a tese pelo não rompimento ainda é majoritária. Mas para segurar o partido na base aliada o governador terá que fazer gesto semelhante ao que fez com o PP.

Prestígio comprovado

O prefeito de Carpina, Manoel Botafogo (PDT), teve sua liderança comprovada na última 6ª feira durante a abertura dos festejos juninos. Após os shows de Gabriel Diniz e Pinga Fogo, resolveu encarar as cerca de 20 mil pessoas que se achavam no local, dando-lhes um protocolar “boa noite, Carpina!”. Foi simplesmente ovacionado ao lado do deputado Vinicius Labanca (PP).

Pressa > O coronel PM Luiz Meira (reserva), pré-candidato pelo PRP ao governo estadual com apoio de Bolsonaro (PSL), está tão certo de que será eleito que já teria sondado algumas pessoas para compor o secretariado.

São João > Cinco dos 7 maiores pólos juninos de Pernambuco estão em municípios governados por prefeitos oposicionistas: Caruaru (Raquel Lyra), Gravatá (Joaquim Neto), Petrolina (Miguel Coelho), Santa Cruz do Capibaribe (Édson Vieira) e Araripina (Raimundo Pimentel). O governador Paulo Câmara, para não ficar sem um arraial, foi a Carpina e a Limoeiro.

Do campo > A Fetape está dando a carga máxima para tentar eleger este ano um deputado federal e outro estadual, Carlos Veras e Doriel Barros, respectivamente, ambos do PT.

Estilo seco > O novo secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, José Mário, esteve pela 1ª vez na Secretaria, para trabalhar, na última 4ª feira, e lá não cumprimentou ninguém. Os servidores, que já conviveram com o estilo alegre de Fernando Bezerra Coelho, estranharam o estilo seco do novo secretário.

Falta política > Raquel Lyra (PSDB), prefeita de Caruaru, recepcionou Alckmin (PSDB) em sua cidade na última sexta-feira a fim de apresentar-lhe o monumental São João do município. O ex-governador repetiu em Pernambuco as mesmas coisas que já disse umas cem vezes e a prefeita pouco opina sobre as questões políticas de Pernambuco e do Brasil.

[G] Santa x Atlético

                                 [G] Santa x AtléticoFoto: Arte: Folha de Pernambuco

O compromisso diante do Atlético/AC era difícil. O Galo, líder do Grupo A da Série C do Campeonato Brasileiro, ostenta a marca de 100% de aproveitamento, como mandante. Mas o Santa Cruzchegou a flertar com o resultado positivo. Neste domingo, na Arena da Floresta, em Rio Branco, os Tricolores até saíram na frente do placar, com Jaílson, mas acabaram sofrendo a virada. O placar de 2×1 fez o Atlético/AC disparar na liderança com 23 pontos. Já os corais deixaram o G4, com a queda para a quinta posição, estacionados com 14.

Ao final do primeiro tempo: 1×1. A construção do placar demonstra com exatidão o que foi Atlético/AC e Santa Cruz nos 45 minutos iniciais. As duas equipes tiveram o domínio em determinados momentos da partida, e aproveitaram as chances surgidas. Outras, no entanto, também foram protagonizadas. Quem teve o domínio no quesito foram os donos da casa, que finalizaram 10 vezes, contra oito dos corais.

O primeiro gol do jogo aconteceu justamente contra o adversário que dominava naquele momento a partida. Aos 17, Jaílson aproveitou um cruzamento pela direita e venceu o goleiro Ruan, em toque de cabeça. 1×0. Apesar da desvantagem no marcador, o Atlético/AC não abriu mão esbanjar técnica e chegou ao empate. Aos 21, Tauã faz bela jogada individual e encontrou, em passe preciso, o atacante Rafael. De frente com Machowski, o jogador deu apenas uma cavadinha e empatou o jogo.

Na volta para o segundo tempo, o Santa Cruz demonstrou uma evolução no seu sistema defensivo, e conseguiu travar a liberdade no meio de campo do Atlético/AC. Isso fez a equipe evoluir, inclusive, ofensivamente. Principalmente porque a equipe soube aproveitar os constantes erros dos adversários acreanos, que se viram obrigados a forçar o passe longo. Até que uma desatenção do Santa Cruz entregou a vitória ao Galo. Aos 31 minutos, Igor lançou Eduardo sozinho na intermediária que arrancou e chutou na saída de Tiago Machowski. 2×1 e fim de papo.

FICHA DE JOGO

Atlético/AC – 2

Ruan; Matheus, João Marcus, Diego e Alfredo; Marquinhos, Kássio e Eduardo (Gabriel); Tauã (Igor), Rafael Barros e Neto (Araújo Jordão). Técnico: Álvaro Miguéis

Santa Cruz – 1

Tiago Machowski; Mailton, Sandoval, Augusto Silva e Allan Vieira; Charles (Augusto), Eduardo e Arthur Rezende (William Maranhão) e Jailson; Robinho e Pipico. Técnico: Roberto Fernandes

Local: Arena da Floresta, em Rio Branco (AC)
Árbitro: Salim Fende Chavez (SP)
Assistentes: Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP) e Evandro de Melo Lima (SP)
Gols: Jaílson (aos 17 do 1ºT); Rafael (aos 21 do 1ºT); Eduardo (aos 31 do 2ºT)
Cartões amarelos: Pipico, Augusto Silva, William Maranhão (Santa Cruz)
Público e renda: Não divulgados

Foto: Billy Boss/Câmara dos Deputados

Do blog de Jamildo

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, denunciou o deputado federal Eduardo da Fonte (PI) e o senador Ciro Nogueira (PI), ambos do PP, por obstrução de Justiça. A chefe do Ministério Público Federal (MPF) afirma que os parlamentares tentaram comprar o silêncio de um ex-assessor e motorista, José Expedito Rodrigues Almeida, além de tentar usar a estratégia de imputar aos policiais federais a prática de coação. No documento, assinado por Dodge no último dia 14, sem alarde, ela afirma que os pepistas ainda blindaram um carro para que nele fosse levado dinheiro. Além dos dois, foi denunciado o ex-deputado Márcio Junqueira.

“O carro, de placa KKE 1144, foi blindado para que transportasse dinheiro da organização criminosa e estava em nome da empresa ADPL Motors, cujos proprietários de fato são Ciro Nogueira e Eduardo da Fonte, segundo EXPEDITO (páginas 23 e 24 do RAMA 107/2017)”, afirma a procuradora. “Márcio questionou: tu falou da Pajero? EXPEDITO: falei. Tava tudo dentro da mala O que eu paguei de cartão meu, tudo dentro da mala. Tudo! (…) Na Polícia Federal ficou lá, os documentos tudinho, ficou lá (fl. 235). Consta auto de apreensão da nota fiscal do serviço de blindagem desse veículo, documento analisado do Relatório de Análise de Material Apreendido n.° 107/2017”.

A conversa foi alvo de interceptação ambiental.

Também foi observado um diálogo entre os dois, em que falam sobre uma suposta estratégia para desfazer depoimentos anteriores de Expedito. O ex-assessor havia prestado depoimentos à Polícia Federal revelando supostas ações criminosas. “Bem por isso, sua vida foi ameaçada pelos dois parlamentares, razão pela qual foi necessário ser inserido no Programa de Proteção do Ministério da Justiça em 2016, dele saindo no ano seguinte, em agosto. Ao sair do Programa, no segundo semestre de 2017, JOSÉ EXPEDITO passou a ser assediado por um emissário de Ciro Nogueira e Eduardo da Fonte: Márcio Henrique Junqueira Ferreira”, acusa Dodge. Em fevereiro, dois meses antes de a PF cumprir mandados de busca e apreensão nos gabinetes e em imóveis dos parlamentares já por causa das investigações, ele buscou novamente o Ministério Público.

Ciro Nogueira (Foto: Moreira Mariz/Agência Senado)

No diálogo interceptado este ano, eles ainda falam sobre a suposta compra do silêncio de Expedito e revelam o que seria, para o MPF uma tentativa de acusar os policiais de coação para desqualificar os depoimentos de 2016.

“Disse ele (Márcio) à testemunha-chave: o que eu falei? Quem falou foi o DUDU Só falei com DUDU DUDU faltou pra mim que ‘Acaba. Pra acabar’ (fl. 222). Em seguida, falaram dos depoimentos de JUNQUEIRA de 2016, os quais foram juntados aos inquéritos já objeto de denúncias. Aqui Márcio expôs claramente a estratégia de Ciro Nogueira e Eduardo da Fonte. Eles queriam desqualificar os quatro depoimentos de 2016, imputando aos policiais a prática de coação. Márcio disse a EXPEDITO: Em dezembro a Federal mandou pra juntar no processo o teu depoimento. (…) Nós vamos fazer o seguinte, nós vamos fazer um termo [declaração em cartório], que você foi na federal, que você está sendo coagido e o caralho, que tão te pressionando. E deixa essa porra pra lá. E tu resolve se vai ficar com a Land Rover’. (..) Bom, vamos fazer pra acabar (fl. 222)”, relata a procuradora. “Em seguida, Márcio lhe fez promessas em troca da mudança de versão perante a PF: Eu tava pensando, cê ia pra Roraima, até nós alugar uma casa razoável, cê fica lá em casa, trabalhando comigo”.

“No dia 27/02/2018, Márcio Junqueira informou em ligação telefônica com terceira pessoa que estava indo para a casa de Eduardo lá na trezentos e dois (fl. 200). A pesquisa em ERB’s confirmou sua ida à casa de Eduardo da Fonte na SQN 302, bloco A, apto. 302, Brasília/DF (fl. 202). Ainda nesse dia, Márcio combinou com EXPEDITO a ida ao cartório para a elaboração de um documento que desacreditasse seus depoimentos à PF em 2016: E ai, vamos ao cartório logo… (fl. 201)”, afirma ainda Raquel Dodge na denúncia.

De acordo com a denúncia, Expedito chegou a ser ameaçado de morte. “MÁRCIO JUNQUEIRA afirmou que se o declarante falasse alguma coisa ou gravasse, ele mesmo iria matá-lo, que não aguardaria sequer ordem dos parlamentares (fl. 19)”, afirma a procuradora.

Foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão autorizados pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin, relator das ações referentes à Operação Lava Jato, no dia 24 de abril. Além de diligências em Brasília, que envolveram os gabinetes de Eduardo da Fonte e Ciro Nogueira, a PF fez buscas em endereços no Recife (PE), em Teresina (PE) e em Boa Vista (RR).

“O resultado destas buscas foi a obtenção de mais elementos de ligação entre Ciro Nogueira e a testemunha-chave, JOSÉ EXPEDITO, além do descortinamento de outros crimes praticados pelo senador. Foi apreendida uma folha de papel (item 1′) com uma pesquisa sobre JOSÉ EXPEDITO RODRIGUES DE ALMEIDA, a testemunha-chave. Entrevistado durante a busca, o chefe de gabinete do Senador, Marcelo Lopes da Fonte, confirmou que o documento foi uma pesquisa feita por ele mesmo a pedido do senador (fl. 252). A redação do documento principia com a frase: 1. A pessoa que o senhor pediu para verificar não consta nada aqui no senado (fl. 253)”, relata Dodge.

“As provas contra Ciro vão além. Na casa de Márcio Junqueira, foi apreendido seu telefone celular”. Consta nele uma mensagem entre Márcio Junqueira e Ciro Nogueira, pelo aplicativo WhatsApp, às 02:49h de 22/03/2018, em que Márcio encaminha a Ciro Nogueira os dados de contato de JOSÉ EXPEDITO RODRIGUES ALMEIDA (‘Almeida Sp’)”, afirma ainda a procuradora.

“A partir da farta documentação acostada, é possível afirmar que Ciro Nogueira e Eduardo da Fonte mantiveram relações criminosas biunívocas durante anos, as quais foram testemunhadas presencialmente por José Expedito. Muitas delas disseram respeito ao transporte de dinheiro de origem criminosa feito pelo ex-assessor. Nesse universo estão: a) a remessa de cem mil reais da UTC Engenharia (fl. 119 da AC n. 4.383); b) o uso compartilhado de imóvel para guarnecimento de dinheiro (fl. 123); c) o recebimento de R$ 1,25 milhão pelo advogado Marcos Meira (fl. 124); d) a busca de cinquenta mil reais junto a Daividson Tolentino (fl. 126), pessoa indicada por Ciro Nogueira para o cargo de Diretor de Logística e Saúde do Ministério da Saúde; e) transporte de seiscentos mil reais pela Pajero blindada (fl. 132), veículo esse pertence a Eduardo e a Ciro (fl. 133); e f) a busca de pelo menos R$ 450 mil junto a Julio Arcoverde, a mando de Ciro e Eduardo”, acusa Raquel Dodge.

O Sisu distribui vagas para universidades públicas (estaduais e federais) e institutos federais

                                       Foto: Priscilla Aguiar/Portal FolhaPE

O prazo de matrícula para os estudantes selecionados no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) começa nesta sexta-feira (22). O resultado está disponível na página do programa. Aqueles que foram aprovados devem ficar atentos aos dias, horários e locais definidos por cada instituição de ensino.

Nesta edição, o Sisu oferece 57.271 vagas em 68 instituições públicas de ensino superior em todo o país. O prazo para os selecionados se matricularem vai até o dia 28.

Aqueles que não foram selecionados poderão participar da lista de espera. O prazo para que isso seja feito começa também hoje e vai até o dia 27. A convocação dos candidatos em lista de espera será de 3 de julho a 21 de agosto. Para participar, basta acessar o sistema na internet e confirmar o interesse.

Leia também:

A lista de espera vale apenas para a primeira opção de curso feita na hora da inscrição. Além dos candidatos que não foram selecionados em nenhuma das opções, podem participar aqueles que foram selecionados para a segunda opção de curso, feita também na hora da inscrição.

Sisu

Sisu oferece vagas no ensino superior, em instituições públicas. Nesta edição, puderam concorrer os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2017 e obtiveram nota acima de zero na redação.

As vagas serão oferecidas em oito instituições públicas estaduais, uma faculdade pública municipal e 59 instituições públicasfederais, com dois centros de Educação Tecnológica, 27 institutos federais de Educação, Ciência e Tecnologia e 30 universidades.

Vacinação

                                   Vacinação Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil

Com baixa adesão na campanha de vacinação 2018, o Ministério da Saúde fez um alerta sobre o aumento de morte crianças em decorrência da gripe. De janeiro até junho, foram registradas 44 mortes de menores de cinco anos por complicações da doença. No mesmo período do ano passado, o número de mortes foi de 14.

Esse dado, de acordo com o ministério, deve servir de alerta aos pais, numa época em que o governo registra a menor cobertura de imunização em dois meses de campanha.
A expectativa era vacinar 12,6 milhões de crianças em todo o país, mas até o momento a imunização atingiu apenas 67,7% desse total. Mesmo com a prorrogação dos prazos, pelo menos 3,6 milhões de crianças com idades abaixo de cinco anos ainda não foram vacinadas.

O número de gestantes imunizadas também caiu neste ano. Os dados do Ministério da Saúde indicam que apenas 71% desse público tomou a vacina contra o vírus da gripe até o momento.”É essencial que os pais levem seus filhos aos postos de saúde para receber a vacina e, assim, evitar as complicações do vírus. É uma forma de proteger as crianças e também o restante da população”, disse o ministro da saúde, Gilberto Ochhi, em nota.

Leia também:
Vacinação contra a pólio começa em 6 de agosto
Temer pedirá a vice de Trump fim de separação de crianças

O governo divulgou boletim na semana passada, no qual indica que 3.122 pessoas foram diagnosticadas com influenza, entre as quais 535 morreram. Do total de mortes, 351 ocorreram por H1N1 e outros 97 por H3N2. Até o momento, a região que apresentou menor adesão à vacinação foi a Sudeste, que não ultrapassou a marca de 77,2%.

Prevenção

De acordo com o Ministério da Saúde, com a chegada do inverno aumenta a circulação do vírus da gripe, motivo pelo qual os grupos prioritários precisam ser imunizados.
No próximo dia 25, a vacinação contra a gripe vai abranger outros grupos, que estavam de fora da imunização inicial. Poderão ser vacinadas as crianças de cinco a nove anos e, adultos com idades entre 50 e 59 anos.

A definição das faixas etárias abrangidas pelas campanhas é baseada em recomendação da OMS (Organização Mundial de Saúde),assim como estudos epidemiológicos no país, que mostram grupos mais propensos a serem atingidos pelo vírus.

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva

                                        Foto: Miguel Schincariol / AFP

A vice-presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), Maria de Fátima Freitas Labarrère, rejeitou recursoprotocolado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra a condenação a 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, no caso do tríplex em Guarujá (SP), um dos processos da Operação Lava Jato. A defesa de Lula pretendia que o tribunal admitisse recurso para ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), que poderia suspender a execução da pena e determinar a soltura do ex-presidente.

No entanto, na decisão, a vice-presidente aceitou que a condenação seja analisada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). A decisão da desembargadora pode ter impacto no julgamento de um pedido de liberdade feito pela defesa de Lula à Segunda Turma do Supremo.

Leia também:
Lula é o mais preparado para acelerar o crescimento da economia, diz eleitor
Defesa de Lula busca concessão de prisão domiciliar no STF

Na próxima terça-feira (26), o colegiado vai julgar pedido dos advogados para que o ex-presidente possa cumprir prisão domiciliar ou outras medidas cautelares caso o tribunal entenda que a liminar de liberdade não pode ser aceita. Um dos argumentos usados era que o TRF estava demorando para analisar o recurso rejeitado hoje.

Lula está preso há dois meses, na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. A prisão foi executada com base na decisão do STF que autorizou prisões após o fim dos recursos na Oitava Turma do TRF 4, segunda instância da Justiça.

Se a condenação for suspensa pela Segunda Turma do STF, como pede inicialmente a defesa, o ex-presidente poderá deixar a prisão imediatamente e também se candidatar às eleições. A defesa do ex-presidente alegou que há urgência na suspensão da condenação, porque Lula é pré-candidato à Presidência e tem seus direitos políticos cerceados diante da execução da condenação, que não é definitiva.

Estádio Krestovsky, em São Petersburgo, na Rússia

                                    Foto: Christophe Simon/AFP

Polícia Federal informou nesta sexta (22) ter efetuado a prisão de um homem brasileiro de 31 anos no Estádio Krestovsky, em São Petersburgo, na Rússia, durante a Copa do Mundo. Pela manhã, o local foi palco da vitória do Brasil sobre a Costa Rica, por 2×0, válida pela segunda rodada da fase de grupos do mundial de seleções.

homem preso, que não teve a identidade revelada, estava com um mandado de prisão em aberto por determinação da 1ª Vara Federal Criminal do Espírito Santo. Ele é acusado de participar, junto com dois comparsas, do roubo a uma agência dos Correios no município de Itarana (ES), no dia 22 de março de 2017. Na ocasião, foram levados mais de R$ 26 mil dos cofres da agência.

O brasileiro, que utilizava um passaporte italiano quando foi preso, havia sido incluído pela Polícia Federal brasileira na lista de difusão vermelha de procurados pela Interpol, possibilitando a sua prisão na Rússia.

Cooperação internacional
A prisão foi efetuada por policiais federais enviados para o Centro Internacional de Cooperação Policial (CICP), em Moscou, para atuar nos estádios durante os jogos do Brasil e auxiliar nas ocorrências envolvendo cidadãos brasileiros.

Os policiais agem de forma integrada às autoridades locais, o que permitiu a identificação e a localização do foragido brasileiro que poderá ser extraditado, disse a PF, em nota.

Ainda de acordo com a corporação, o envio de equipe especializada de policiais federais ao CICP, durante a Copa, integra um modelo de ação típico de grandes eventos, tendo o Brasil também recebido diversas equipes de policiais estrangeiros durante a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016.

O novo presidente do Complexo Industrial Portuário de Suape, Carlos do Rêgo Vilar, empossado nesta quarta-feira (20) por ato do governador Paulo Câmara, foi apresentado aos colaboradores da empresa, em evento realizado no auditório do edifício-sede.

Vilar substitui Marcos Baptista, nomeado novo secretário de Planejamento e Gestão de Pernambuco.
Sertanejo de Itapetim, o novo presidente tem vasta experiência na área portuária.

Formado em economia, Vilar é servidor do Porto do Recife há 43 anos. Já exerceu as funções de gerente de negócios, diretor comercial e de operações, e atualmente exercia o cargo de presidente do Porto do Recife, desde março do ano passado.

Já havia exercido o mesmo cargo anteriormente, entre setembro de 1991 e maio de 2000. Em seu discurso, o gestor disse esperar contar com o apoio do corpo funcional da empresa para realizar uma gestão de continuidade das ações e projetos que vêm sendo desenvolvidos ao longo dos últimos anos.

“Eu tenho uma vida dedicada só a porto. É a primeira vez que eu saio da minha casa para vir para outra casa e espero contar com o apoio de todos que fazem o Complexo Industrial Portuário de Suape. Quero dizer que é uma honra enorme assumir a presidência desta empresa”, disse no início do seu discurso.

Relator da Operação Lava-Jato no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), o desembargador João Pedro Gebran Neto homologou nesta sexta-feira a delação premiada do ex-ministro Antonio Palocci, que comandou a pasta da Fazenda no governo do ex-presidente Lula e foi chefe da Casa Civil da gestão de Dilma Rousseff.

Como O GLOBO revelou em abril, depois de tentar, sem sucesso, fechar um acordo de colaboração com a força-tarefa da Lava-Jato em Curitiba, Palocci acabou firmando um acordo pontual com a Polícia Federal, sem o envolvimento de autoridades com foro privilegiado. O acordo foi homologado dois dias após o Supremo Tribunal Federal (STF) liberar a PF para firmar delações.

Na delação, Palocci citaria episódios desabonadores envolvendo tanto Lula quanto Dilma e detalharia pagamentos de propina ao PT envolvendo empreiteiras investigadas no escândalo da Petrobras. Os termos do acordo firmado com a PF e agora homologado pela Justiça ainda estão sob sigilo.

Palocci está preso em Curitiba desde setembro de 2016. Ele foi condenado por Moro a 12 anos, dois meses e 20 dias de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

O ex-presidente Lula é o pré-candidato ao Planalto mais preparado para acelerar o crescimento da economia do país, avalia o eleitor brasileiro. Segundo pesquisa Datafolha, 32% dos entrevistados citaram o petista como o melhor nome para desempenhar essa missão.

O resultado da pesquisa é bastante similar ao quadro geral de intenção de voto do eleitor, com o ex-presidente sendo seguido pelo deputado Jair Bolsonaro (PSL), com 15%, e Marina Silva (Rede), 8%.

Lula encerrou seu segundo mandato na Presidência, em 2010, com alta aprovação popular e uma taxa de crescimento do PIB de 7,6%, o maior índice desde 1985. Mas o PT depois levaria o país, no governo de Dilma Rousseff, a uma de suas mais graves recessões.

De 2014 a 2016, a produção e a renda do país encolheram 8,2%. Neste ano, o mercado estima um crescimento em torno de 1,7%.

Para reverter esse quadro de estagnação, Lula é o favorito de eleitores de todas as faixas etárias e regiões do país. No Nordeste, onde tradicionalmente tem maior aprovação, o petista é visto como o  melhor remédio para a economia por 51% dos entrevistados, contra apenas 8% do segundo colocado, Bolsonaro.

A vantagem do ex-presidente, porém, diminui conforme aumentam a escolaridade e a renda dos eleitores.  No grupo que possui apenas o ensino fundamental, ele atinge 37%, contra 9% de Bolsonaro. Entre os entrevistados com nível de ensino superior, ambos estão empatados, com 20%.

Leia reportagem na íntegra clicando ao lado:  Lula é o mais preparado para acelerar o crescimento da economia, diz eleitor

Ontem (20), em Serra Talhada, em um grande encontro de lideranças, na residência do Dep Federal Oliveira, o Governador Paulo Câmara reafirmou que irá assinar a ordem de serviço da PE 310. O Dep Sebastião Oliveira, com muito empenho e atendendo ao pedido de seu grupo político em Custódia,  colocou 2,5 milhões para Secretaria de Transporte, viabilizando o início da obra que asfaltara a estrada que liga Custódia a Quitimbu, moxotó ao Pajeú. O Vereador Cristiano Dantas, em conversa com o Governador e Sebastião Oliveira, recebeu a confirmação do início da  obra da “Estrada de Quitimbu”, bem como a Adutora que irá trazer água da transposição para Custódia, com muita determinação do Governador. No encontro estavam também, o Dep. Federal Gonzaga Patriota, Vereador Marcillio Ferraz e o Presidente da COMPESA, Roberto Tavares.

Presidente do Sindicato dos Bancários, Suzineide Rodrigues

                            Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Mal deu início à campanha salarial deste ano e o Sindicato dos Bancários já considera a possibilidade de entrar em greve. Segundo pesquisa realizada pelo Comando Nacional dos Bancários, 60% da categoria está disposta a cruzar os braços caso suas reivindicações não sejam atendidas pelos bancos. E, na avaliação dos dirigentes sindicais, esta negociação deve ser difícil. É que, além de ganho real, os bancários pedem a manutenção de direitos que foram postos em xeque pela Reforma Trabalhista.

Leia também:
Greve dos caminhoneiros custará R$ 15 bilhões para a economia
Brasil é o segundo em concentração bancária

Presidente do Sindicato dos Bancários de Pernambuco, Suzineide Rodrigues explicou que as novas leis trabalhistas podem alterar 15 cláusulas da convenção da categoria. Com isso, os bancos poderiam, entre outras coisas, demitir sem comunicar o desligamento ao sindicato, trocar horas extras por banco de horas, contratar terceirizados com salário inferior, implantar o trabalho intermitente e fazer acordos individuais, excluindo, por exemplo, os bancários que ganham mais de R$ 12 mil da convenção coletiva. “São direitos históricos que não queremos perder. E a grande maioria dos bancários já disse que, se for preciso, tem disposição a aderir a greve para manter isso”, falou Suzineide. Ainda segundo a pesquisa da categoria, 23% dos bancários acreditam que manter esses direitos deve ser a prioridade da campanha deste ano. É quase o mesmo percentual dos que consideram como prioridade o reajuste salarial (no caso, a inflação mais 5% de ganho real): 25%.

Por isso, o sindicato realiza nesta quinta-feira (21) um ato no Centro do Recife para apresentar suas reivindicações. A pauta foi entregue à Federação Nacional de Bancos (Fenaban) no último dia 13. Mas a Fenaban só vai se posicionar sobre o assunto depois que a negociação com a categoria tiver início, na próxima semana.

Farol de Notícias

O prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, do PT, se derramou em elogios ao governador Paulo Câmara (PSB) e ao deputado federal Sebastião Oliveira, presidente do Partido da República (PR) em Pernambuco, nessa quarta-feira (20).

A cena rara, em período pré-eleitoral, ocorreu no distrito de Bernardo Vieira, quando o governador desembarcou em Serra Talhada para entregar a rodovia PE-414, um investimento de R$ 26 milhões do governo socialista.

“Queria dizer, governador, que este sonho tem a marca de Sebastião Oliveira, temos que reconhecer, porque foi ele (Sebastião) que teve a a determinação de buscar, junto ao senhor, para que estes recursos fossem viabilizados e hoje, Bernardo Vieira possa estar uma grande vitória, porque encurta distância e traz desenvolvimento. Porque estrada e infraestrutura, aquilo que Sebastião Oliveira disse aqui, é importante para o desenvolvimento local e o transporte da produção”, discursou o prefeito, recebendo aplausos da população.

No final do discurso, Duque evidenciou investimentos do governo municipal no distrito de Bernardo Vieira, mas fechou sua participação com mais elogios aos adversário político.

“Parabéns governador por este gesto. Mais um gesto que o senhor faz com Serra Talhada e somos gratos. Serra Talhada e o povo de Bernardo Vieira lhe é muito grato por mais este investimento. Parabéns, Sebastião e Rogério Leão pela iniciativa”, reforçou.

Em sua agenda no Sertão, o governador Paulo Câmara ainda esteve em Sertânia, onde entregou a primeira etapa do Sistema Adutor do Moxotó, acionando a comporta e liberando água do Açude do Moxotó para a primeira Estação Elevatória.

Na ocasião, o governador também autorizou a licitação do Sistema de Abastecimento de Água (SAA) e a contratação do SAA Rio da Barra, fortalecendo assim a infraestrutura hídrica da cidade. Juntas, as três obras beneficiarão cerca de 430 mil habitantes de diversos municípios da região. Ele esteve acompanhado do prefeito Ângelo Ferreira.

Com um investimento da ordem de R$ 85 milhões, o Sistema Adutor do Moxotó beneficiará cerca de 400 mil habitantes. A estrutura de captação na Barragem do Moxotó, no Eixo Leste da Transposição, compreende 70 km de adutora em tubos de ferro de 600mm de diâmetro, três estações de bombeamento e capacidade de vazão de 450 l/s para sete municípios.

O sistema alimentará a Estação de Tratamento de Água de Arcoverde e se interligará aos trechos já construídos da Adutora do Agreste. A obra servirá para o abastecimento de água das cidades de Arcoverde, Pedra, Venturosa, Pesqueira, Alagoinha, Belo Jardim, Sanharó, Tacaimbó, São Caetano e São Bento do Una.

Com o objetivo de captar e transportar um maior volume de água do Eixo Leste da Transposição do Rio São Francisco para abastecimento da população de Sertânia, a ampliação do SAA do município receberá um investimento de cerca de R$ 700 mil e deve ser concluída em cinco meses, após a emissão da ordem de início dos serviços.

Já a contratação da execução da obra de implementação do SAA de Rio da Barra, beneficiará 4.100 habitantes, com custo estimado de R$ 6 milhões e prazo para execução de 10 meses após a emissão da ordem de serviço.

“Quero agradecer ao governador pelo que ele tem feito por Sertânia e a todos os órgãos do Governo, em especial, à Compesa. São R$ 6 milhões para levar água para quatro mil pessoas. Uma obra de custo elevado, mas de uma função social extremamente importante. Vamos contar, agora, com a melhoria no abastecimento que vai levar água potável e de qualidade para as casas em Rio da Barra, Valdemar Siqueira e região”, comemorou o prefeito Ângelo Ferreira.

Preso desde abril, ex-presidente Lula aparece liderando todas as pesquisas de intenção de voto

                                           Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula

ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, em carta, que o Supremo Tribunal Federal (STF) “reagiu claramente à indústria de delações premiadas” ao absolver a senadora Gleisi Hoffmann(PR) da acusação de ter participado de um esquema de corrupção e lavagem de dinheiro desviado da Petrobras.

A carta foi lida nesta quarta (20) pela própria Gleisi durante reunião fechada das bancadas de deputados e senadores do PT, em Brasília. “Pela primeira vez o STF reagiu claramente diante da indústria das delações em um caso concreto, desmoralizando o discurso e a prática da Lava Jato”, escreveu o ex-presidente de sua cela, em Curitiba.

Leia também:
Em ação sobre sítio, Lula será interrogado por Moro em setembro
Pedido de liberdade de Lula será julgado no dia 26 pelo STF

Lula chamou de “mentiras” e “notícias falsas” as acusaçõescontra a senadora e disse que os procuradores “nunca levaram em conta os argumentos da defesa e as contradições entre os depoimentos dos delatores” que, segundo o petista, “mudavam de versão cada vez que suas mentiras eram derrubadas pelos fatos e pela investigação”.

“Agora me pergunto: quem vai te pedir desculpa por quatro anos de acusações falsas”, completa o ex-presidente. Gleisi foi recebida pelos correligionários com flores e música, e se emocionou ao ler a carta enviada a ela pelo ex-presidente.

Nesta terça (19), os ministros da segunda turma do STF entenderam que a Procuradoria-Geral da República (PGR) não conseguiu provar os crimes que foram imputados à senadora pelo ex-procurador-geral Rodrigo Janot. Eles criticaram a estrutura da denúncia, considerada com base apenas em delações de pessoas com interesses em fazer as acusações e que não apresentaram provas para corroborar os depoimentos.

PGR ainda pode recorrer à turma. Gleisi ainda é alvo de três processos no Supremo, todos relacionados à Lava Jato: quadrilhão do PT, delação da Odebrecht e caso Consist (desvios no Ministério do Planejamento). Ela nega envolvimento em irregularidades.

Condenado em segunda instância pelo caso do tríplex de Guarujá (SP), Lula também enfrenta outros processos.

Nesta quarta, o juiz Sergio Moro marcou o interrogatório do ex-presidente no caso do sítio de Atibaia (SP). Lula será ouvido pelo juiz no dia 11 de setembro às 14h. Será a terceira vez que Lula será interrogado presencialmente pelo juiz. A primeira vez foi em maio de 2017 e a segunda em setembro passado.

Expectativa é de taxa de ocupação hoteleira de 94,3% nos principais polos da festa de São João, como Gravatá

                                     Foto: divulgação/Hotel Canariu’s de Gravatá

Ao concentrar grandes festas juninas nas cidades do Interior, o Estado de Pernambuco deve receber diversos turistas no período. De acordo com a pesquisa da Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco (Seturel-PE), por meio da Empetur, a expectativa é de uma taxa de ocupação hoteleira de 94,3% nos principais polos da festa de São João entre os dias 22 e 26 de junho. E os serviços oferecidos devem gerar uma injeção de mais de R$ 260 milhões na economia do Estado.

Segundo a secretária executiva do Programa de Desenvolvimento do Turismo em Pernambuco (Prodetur), Manuela Marinho, cidades do Agreste e do Sertão pernambucanos são as principais a receberem os visitantes. “A estimativa é de que em Pernambuco sejam ultrapassados os 591 mil visitantes do ano passado. Bezerros, Caruaru, Gravatá, Petrolina e Arcoverde são municípios que receberão mais turistas”, destacou a secretária. De acordo com o levantamento, Bezerros terá uma ocupação de 98%, Caruaru com 93%, Gravatá com 95%, Arcoverde com 94,2% e Petrolina com 93%.

Para isso, ações do governo estadual estão sendo fortalecidas com as atividades realizadas no aeroporto Internacional do Recife . “O aumento da capacidade de voos nacionais e internacionais foi fundamental para a atração desses turistas, além de campanhas publicitárias feitas em outros estados”, disse a secretária, ao avaliar a expectativa de movimentar a economia das cidades. “Devem ser injetados mais de R$ 260 milhões. Isso será movimentado a partir de 52 segmentos, como comércio, hotelaria, bares e restaurantes e taxistas”, registrou.

Leia também:
Shows juninos no Sítio Trindade começam nesta quinta
Tem muito milho na mesa

A festa que marca o calendário turístico de Pernambuco também está sendo aguardada positivamente pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis em Pernambuco (Abih-PE). “Se considerar o Estado como um todo, a ocupação hoteleira deve ser em torno de 2% maior que do ano passado. Será um bom São João, mas diferente em cada região do Estado”, explicou o presidente da Abih-PE, Artur Maroja. Isso porque o Agreste tem a expectativa de boa ocupação, mas por outro lado a capital pernambucana deve apresentar uma menor ocupação. “Gravatá, por exemplo, deve ter em torno de 93% de taxa de ocupação. Já no Recife, deve ter cerca de 52%. Mas ainda estamos fechando hospedagem, esses números podem ser melhores”, complementou Maroja.

Inaldo Sampaio

                                      Inaldo Sampaio Foto: Colunista

O pontapé foi dado em Minas em 2006 pelo então governador Aécio Neves. Ele chamou seu secretário do Planejamento, Antonio Anastasia, para ser seu vice. Aécio se reelegeu e em abril de 2010 deixou o cargo para candidatar-se a senador. Anastasia assumiu o governo, candidatou-se à reeleição, ganhou, e em abril de 2014 renunciou ao mandato para ser senador. Hoje, é um dos grandes quadros não atingidos pela Lava Jato que o PSDB possui. Aécio inspirou Eduardo Campos, então no Governo de Pernambuco, a tirar um secretário para disputar a Prefeitura do Recife (Geraldo Júlio) e outro para concorrer ao governo estadual (Paulo Câmara). Ambos venceram. Essa regra foi seguida na Bahia em 2014 pelo então governador Jaques Wagner, que lançou seu secretário de governo, Rui Costa, para a sua sucessão. Costa se elegeu e será reeleito agora em outubro. No Ceará, o então governador Cid Gomes em 2014 procedeu da mesma forma. Pegou seu secretário das Cidades, Camilo Santana, apresentou-o à sua sucessão e ele venceu. E tem grandes chances de ser reeleito. Aqui na vizinha Paraíba, o governador Ricardo Coutinho imitou seus colegas de Minas, Pernambuco, Bahia e Ceará. Lançou seu secretário de Infraestrutura, João Azevedo, para disputar o governo estadual. E, na pisada que ele vai, ele é franco favorito. Paulo Câmara vai para a reeleição agora em outubro e, por razões óbvias, só vai tratar de 2022 em 2022. Mas se seguir os passos do seu mentor político, seu candidato não será deputado federal e nem senador. Será um secretário.

Fica em São Lourenço
Gino Albanez (PSB), ex-prefeito de São Lourenço, não vai mais assumir a direção do Porto do Recife. Achou a casa muito desarrumada, deficitária, com muitos cargos em comissão e salários atrasados. E sem dinheiro sequer para comprar uma resma de papel. Vai ficar em São Lourenço cuidando das campanhas de Paulo Câmara, Eduardo da Fonte (PP) e Vinicius Labanca (PP).

Reeleição > Múcio Novaes, leitor da coluna, complementa informação divulgada ontem. Além de Marco Maciel, outro senador foi reeleito em Pernambuco: Novaes Filho, de quem é parente. Elegeu-se em 46 e se reelegeu em 54.

Por quê? > Muitos políticos da Frente Popular estão à procura de uma explicação para as mudanças feitas por Paulo Câmara na sua equipe. Por exemplo: pra que tirar Márcio Stefanni do Planejamento e colocá-lo no Turismo faltando apenas 6 meses para o término do governo?

A intenção > Pergunta que deputados se faziam ontem na Assembleia Legislativa: ao estimular Marília Arraes (PT) a anunciar aliança com o Avante, sem prévia discussão com o PT, para fazê-lo candidato a senador em sua chapa, Sílvio Costa quis ajudá-la ou tirá-la do páreo?

A razão > Não só no Brasil, mas no mundo todo, eleitores nem sempre votam com a razão. Se o fizessem, Geraldo Alckmin (PSDB), que chega amanhã ao Recife, não teria apenas 6% de intenções de voto para presidente, tendo sido 4 vezes governador de São Paulo.

Depoimento de Lula a Moro

                                                  Foto: reprodução/vídeo

O juiz Sergio Moro e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silvaterão mais de um encontro ao vivo.

Moro marcou na tarde desta quarta-feira (20) o interrogatório do ex-presidente no caso do sítio de AtibaiaLula será ouvido pelo juiz no dia 11 de setembro às 14h.

Será a terceira vez que Lula será interrogado presencialmente pelo juiz. A primeira vez foi em maio de 2017 e a segunda em setembro do ano passado.

Leia também:
Funcionário da OAS diz a Moro que foi convocado para obra no sítio de Lula
Arquiteta diz a Moro que apresentou a Marisa projeto de reforma do sítio
Moro e jornalista Fernando Morais discutem em audiência do caso do sítio em Atibaia

Moro também arrolou como testemunhas Emílio e Marcelo Odebrecht (no dia 29 de agosto), o ex-presidente da OAS Léo Pinheiro (no dia 3 de setembro) e o advogado de Lula Roberto Teixeira(no dia 5 de setembro).

O pecuarista José Carlos Bumlai será ouvido no mesmo dia de Lula.

Neymar durante treino da Seleção Brasileira nesta quarta (20)

                                     Foto: Lucas Figueiredo/CBF

De volta aos treinamentos após sentir dores no tornozelo, Neymar concedeu entrevista à “CBF TV” antes da viagem da seleção brasileira para São Petersburgo. Nesta quarta-feira (20), o atacante disse esperar que a exibição contra a Costa Rica seja melhor do que a apresentada no empate com a Suíça.

“A expectativa é grande, a gente espera fazer um segundo jogo muito melhor do que foi a estreia e quer vencer. Estamos indo para vencer e jogar muito bem”, afirmou Neymar.

Na terça-feira, Neymar deixou o treino mais cedo após sentir um desconforto enquanto participava de uma roda de “bobinho”. Na manhã desta quarta, o atacante treinou normalmente e não deve ser problema para a partida.

“Treinei bem, estou me sentindo à vontade, o pé está tranquilo”.

Brasil e Costa Rica se enfrentam nesta sexta-feira (22), em São Petersburgo, às 9h (de Brasília). A partida será válida pela segunda rodada do Grupo E.

Superior Tribunal de Justiça (STJ)

                                Superior Tribunal de Justiça (STJ)Foto: CNB/BA

A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu hoje (20) restringir sua competência para julgar casos relativos a governadores, desembargadores e outras autoridades, conforme previsto na Constituição.

Com a decisão do tribunal, governadores e membros de tribunais de contas dos estados vão continuar respondendo a processos no STJ somente se o crimes que lhe são imputados ocorreram quando estavam no cargo ou relacionados com o mandato. Caso contrário, as acusações serão enviadas para a primeira instância da Justiça.

A medida foi tomada a partir da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que, no mês passado, restringiu o foro por prorrogativa de função, conhecido como foro privilegiado, para deputados e senadores.

Um assalto foi registrado esta tarde ao posto de atendimento da Caixa Econômica Federal, na Rua Diomedes Gomes, Afogados da Ingazeira. Segundo testemunhas, um elemento de bicicleta entrou na agência simulou que estava armado.

Ele anunciou o assalto e  levou a quantia de R$ 2.450,00, segundo a gerente. Policiais militares  estão realizando buscas. Câmeras do circuito de segurança revelaram características do criminoso. Ele é moreno, magro e estava usando camisa amarela.

Ao final da ação ele ainda ameaça a gerente para que não dê detalhes de sua identidade. Quem tiver alguma informação que possa levar ao criminoso pode enviar uma mensagem de WhattsApp para a PM no (87) 9-8877-0740.