Paulo Câmara,Carlos Siqueira, Luciana Santos, Renildo Calheiros

Paulo Câmara,Carlos Siqueira, Luciana Santos, Renildo CalheirosFoto: Divulgação

Presidente nacional do PCdoB, Luciana Santos realça que no campo das esquerdas há duas variáveis de peso hoje: Ciro Gomes e Lula. Admite, no entanto, que “não está fácil” produzir uma unidade dos dois para a corrida presidencial. “Se esses atores se entendessem, a gente poderia vencer a eleição pela quinta vez”, considera Luciana. “A gente tem falado sobre isso, mas não está fácil, porque ninguém arreda o pé das duas posições”, observa a dirigente do PCdoB. Ontem, em almoço no Palácio das Princesas, o tema foi levado à pauta. O encontro, convocado pelo governador Paulo Câmara, reuniu, além de Luciana, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, e o ex-prefeito Renildo Calheiros, que integra a direção do PCdoB.

A reunião ocorreu dois dias depois de Ciro Gomes ter estado com o chefe do Executivo estadual pernambucano. O PDT tenta atrair o apoio do PSB ao seu projeto nacional e considera esse um importante passo para também conquistar o PCdoB. Socialistas e comunistas, no entanto, não vão, necessariamente, tomar posição conjunta, mas têm cultivado uma aproximação, que começa pelas votações no Congresso. Adotaram posições contra a reforma trabalhista, privatizações e alimentam um alinhamento cada vez maior. PSB e PCdoB estão empenhados em tentar até o último minuto uma unificação das esquerdas.

Vereadores de Jaboatão em encontro com Paulo Câmara                      Vereadores de Jaboatão em encontro com Paulo Câmara – Foto: divulgação

Chumbo trocado 
Um grupo de 12 vereadores de Jaboatão esteve, ontem, com o governador Paulo Câmara discutindo ações relativas ao município. Demonstraram preocupação com a forma como a cidade tem sido administrada. Na terça, o prefeito Anderson Ferreira declarou apoio, junto com seu clã, ao grupo das oposições Pernambuco Vai Mudar.

No Palácio > A saída dos Ferreira da base se deu sob troca de farpas. Participaram da audiência com o governador: Dr. Tadeu Veterinário (PSD), Robson do Peixe (Patriota), Carlinhos da Carreta (PSD), Messinho (PCdoB), Didinho (PSB), Totô (PP), Ubiradopop (SD), Dodo da Chave (Solidariedade), Daniel Alves (PCdoB), Vilmar da Mudança (Avante), Enio (PRP) e Márcio do Curado (Avante).

Prioridade > Em nota emitida ontem, o PSB de Pernambuco registrou que os socialistas do Estado continuarão “a defender, dentro e fora do PSB, uma aliança com o Partido dos Trabalhadores, priorizando a candidatura do ex-presidente Lula”.

Resposta > O texto se deu em reação à matéria do Correio Brasiliense, segundo a qual o PSB teria decidido marchar ao lado de Ciro Gomes com participação determinante de caciques pernambucanos na decisão.

Orientação > A nota grifa que o partido, em Pernambuco, “seguindo a orientação do governador Paulo Câmara, permanece no diálogo com lideranças nacionais e locais de diversos partidos do campo democrático”. Na reunião dos governadores, como a coluna registrou ontem, Paulo Câmara defendeu que o PSB só defina o caminho que tomará na corrida pelo Planalto no final de julho.

Frente > Na próxima terça, na Câmara Federal, as fundações do PSB, PCdoB, PT, PDT e PSOL lançam uma frente parlamentar.

Deixe uma resposta